Jundiapeba ganhará um aeroporto



Mogi das Cruzes ganhará um novo e importante investimento. A cidade terá em breve um aeroporto privado, mas de uso público. O anúncio foi feito na noite dessa segunda-feira (05) pelo prefeito Marcus Melo (PSDB).








O martelo foi batido em uma reunião que contava com o prefeito, com o ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Maurício Quintella e também do Deputado Estadual Marcos Damasio, o secretário de Desenvolvimento, Clodoaldo De Moraes, e o empresário Fumio Horii.


O empreendimento será construído às margens da Estrada das Varinhas. O aeroporto deverá atender a atividades de aviação executiva, serviços de táxi aéreo, operação de helicópteros, movimento de cargas e armazenagem de peças de aeronaves privadas, além de oferecer hangar para guarda das aeronaves.


Além de levar a cidade para uma nova era de investimentos, o novo aeroporto gerará centenas de empregos na construção e operação do empreendimento. A cidade ainda ganhará mais atratividade logística para grandes empresas.

Jundiapeba poderá ter unidade do Bom Prato

A Prefeitura de Mogi das Cruzes se comprometeu a construir o prédio que abrigará o restaurante Bom Prato, em Jundiapeba, e assim que estiver concluído, a Cidade adotará o modelo do Governo do Estado para a gestão do espaço, que oferece refeições completas e balanceadas por R$ 1,00, com uma média de 1,2 mil atendimentos diários.


Equipamento oferece refeições completas e balanceadas por R$ 1,00, com uma média de 1,2 mil atendimentos diários. (Foto: Arquivo)



Em reunião com o secretário de Estado do Desenvolvimento Social, Floriano Pesaro, na última terça-feira, na Capital, o prefeito fez outros pedidos para Mogi, como a oferta de cursos da Escola de Desenvolvimento Social do Estado na Cidade, além do aumento no alcance de programas de transferência de renda. O secretário também foi convidado e confirmou presença no Município no próximo dia 8 de fevereiro, no Teatro Vasques, quando haverá o lançamento do Programa Criança Feliz em Mogi das Cruzes. A secretária municipal de Assistência Social, Neusa Marialva, e o vereador Edson Santos (PSD) também participaram do encontro.

Brookfield: A empresa que investiu R$ 27 bilhões no Brasil em 5 anos

Quem é a Brookfield, a empresa canadense que investiu quase R$ 27 bilhões no Brasil em 5 anos
Empresa, que aproveitou a crise para comprar negócios de companhias em apuros como Odebrecht e Petrobras, anunciou investimento na Renova nesta terça; criada em 1889, construiu bondes elétricos de São Paulo e Rio e foi dona da Light.



A canadense Brookfield anunciou nesta terça-feira (27) um aporte de R$ 650 milhões na Renova Energia. Esse é mais um dos negócios fechados pela empresa, que nos últimos anos aproveitou a crise econômica e veio às compras no Brasil. De 2013 para cá, ela investiu quase R$ 27 bilhões por aqui, segundo dados da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima) e da própria empresa.

Os valores não consideram os aportes feitos por empresas nas quais a Brookfield tem participação, como a Arteris, dona de concessões das rodovias Fernão Dias e Regis Bittencourt. Eles também não consideram o negócio fechado com a Renova.

A Brookfield é uma gigante global em gestão de ativos, com US$ 265 bilhões aplicados em negócios e investimentos em mais de 30 países. A companhia é considerada low profile e pouco conhecida dos brasileiros – apesar de ter começado seu negócio no país como fundadora da Light e ter sido uma das responsáveis pela iluminação do Cristo Redentor (leia mais abaixo).